Medidas de Prevenção ao Coronavírus

0

Divisa Nova, 05 de outubro de 2020.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) a qual declarou em 30 de janeiro de 2020, que o surto da doença causada pelo novo coronavírus (COVID-19) constituiu uma Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional – o mais alto nível de alerta da Organização, conforme previsto no Regulamento Sanitário Internacional. Em 11 de março de 2020, a COVID-19 foi caracterizada pela OMS como uma pandemia.

Por conseguinte, a prevenção e controle do coronavírus dependem da participação ativa da sociedade, em geral, a qual deve realizar o isolamento social, por ser medida indicada como a forma mais eficaz de retardar o período de transmissão da referida doença. Para tanto, a chamada “transmissão comunitária” é definida quando os órgãos de saúde já não conseguem mais identificar a origem da contaminação, ou seja, a transmissão é local, quando o paciente adquire a doença após ser contaminado por alguém do seu convívio.

Informação esta que é de suma importância, pois, em nossa cidade esta forma de transmissão já está instalada entre nossos munícipes, o que segundo dados epidemiológicos foi um dos fatores cruciais para o aumento de casos neste último mês (setembro/2020).

As autoridades municipais de saúde vêm trabalhando em todo território  a fim de que as pessoas mantenham as práticas de distanciamento social. Enfatizando esta atitude quando o indivíduo for submetido à exame específico para análise e ainda notificado como caso positivo para COVID-19, isto deve ser levado muito a sério, devendo o cidadão permanecer em sua residência, evitando totalmente encontros familiares, visitas a idosos, devendo sair apenas em situações de necessidade, recomendações estas, para que não haja a cadeia de transmissão da doença a outras pessoas. E ainda o uso de máscara deve ser de forma contínua para estas pessoas.

O período de isolamento será avaliado em cada situação pela equipe de atenção básica a que as pessoas forem cadastradas e a medida de isolamento prescrita por ato médico deverá ser efetuada, preferencialmente em domicílio. Cumprindo os protocolos clínicos regulamentados pelo Ministério da Saúde.

Outra informação importante é que para propiciar o achatamento da curva de proliferação do vírus no município o distanciamento deve ser máximo para pessoas consideradas “grupos de risco” e com “comorbidades” sendo recomendado para elas a utilização de máscaras a fim de minimizar a possibilidade de contaminação.

Dentre as ações implementadas em nosso município, as barreiras sanitárias foram implantadas desde o início da pandemia (março/2020), estas, são fixas nos dois pontos que ofertam acesso principal à cidade. Sendo que, funcionam de forma não restritivas, apenas educativas e de prevenção ao COVID-19 por meio dos “Orientadores de COVID 19” e monitoradas pela Secretaria Municipal de Saúde.

Como já é amplamente divulgado por todos e órgão competentes o uso de máscara facial é recomendado de forma massiva e em todos os ambientes com circulação de pessoas a fim de promover a proteção das vias aéreas para toda a população (crianças acima de 2 anos), para evitar e/ou reduzir a transmissão comunitária da COVID-19, podendo utilizar máscaras confeccionadas em tecido, especialmente atendidas às normas do Ministério da Saúde, conforme Nota Informativa nº 3/2020/CGGAP/DESF/SASP/MS. Sendo importante mencionar que o descarte das máscaras deverá ser feito de forma segura, embaladas em sacos plásticos, amarrados e descartados em lixeiras, não devendo em hipótese alguma ser jogada em vias públicas ou em ambientes abertos em contato com pessoas e animais.

Neste momento, aproveitamos a oportunidade para informa também que apesar de todos os esforços do poder público por meio da ampla divulgação dos dados epidemiológicos, os números de casos da COVID 19 em nossa cidade aumentaram consideravelmente o que nos leva a reforçar todas as orientações à população a fim de que todos possamos frear a expansão desta doença em nosso município.

Para concluir,  deixamos aqui, o nosso pedido  de que sigam as orientações dos profissionais de saúde, que estão monitorando constantemente suas residências; que tirem suas dúvidas; que compreendam a necessidade de união para o combate a uma doença invisível, mas letal em muitos casos e assim possamos vencer da melhor forma a COVID 19.

 

Divisa Nova contra o coronavírus e a favor da vida!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here